segunda-feira, 6 de abril de 2009

ADEUS MOLEQUE HOMEM (DEIXOU MARCAS)




























Atacou minha vaidade,
Deixou-me mesmo de verdade.
Virou-me as costas,
Acho mesmo, que não me gostas.

Atacou meu ego feminino,
Com esse teu jeito menino.
Ou moleque homem,
Apagou minha luz.
Agora por mim choras
Mas porque me ignoras.

Achei que seria tu,meu amor.
Mas agora fico aqui no canto com dor.
Pensando como gostei de ti.
E agora se pois a partir.
Deixa aqui, triste esta flor.
Que por você brotou.

Minha alma esta sofrida,
Por tua partida, que por mim
Não foi permitida.
Mas não posso te segurar,
Longe de mim, você optou ficar.

Saiba que levou contigo,
Grande parte de mim,
E agora não sei o que faço,
Prendi-te, não dei nó no laço,
E meu coração esta em pedaços.

De uma coisa, não esqueça,
Saiba que farei de tudo
Para lhe tirar da cabeça.
Antes que eu enlouqueça

Saiba que te amei de verdade.
Mas mexeu com minha vaidade.
Ego de mulher,que sabe o quer.
Por isso, não serei tua mulher.
Para não ficar vindo aqui quando quer.

Seja um moleque homem de verdade.
Não brinque com as mulheres assim:
Com tamanha maldade,
Brincou comigo, e partiu
Isso a outra não, viu!

Cuidado com o que você construiu.
Na vida deparamos com espelhos.
E você pode se ver refletido nele.
O que vai, volta!
Essa é minha revolta,
... Moleque homem .
Mas no meu coração,
Você não volta.
A FLOR DE LIS *-*

Um comentário:

DELIRANTE disse...

Quem de nós neste mundo, seja por um moleque Homem ou Mulher,não sofreu desta forma? Ou quem sabe, não sofremos todos os dias, por brincarem com nossos mais puros sentimentos, com nossa auto-estima... Beijos, Flor de LIS!