terça-feira, 25 de agosto de 2009

AMOR PERMITIDO




♥ AMOR PERMITIDO.

É aquele que não é inibido, é desinibido e não sofrido.
É o que se permiti a todas as vontades e desejos e fantasias.
É amor que não cobra.
É amor que não faz mal, puro e natural, real.

Amor Permitido,
Onde se pode ousar, para amar,
Atrever-se para sobreviver, aprender.
Onde sonhar é o realizar.
Com os passos a finco ao chão.

Amor permitido.
É amor sem segredo, sem medo.
É satisfação, e fascinação e sedução.
E lançar-se a chama do amor,
Sem preconceito, sem insultos.

Amor permitido.
É um desejo incontido de amor despido.
Amor aberto a entrega a cumplicidade.
Sem pudores,sem punição, amar é a questão!
Com a certeza, de o outro amá-lo em questão.
Para tudo ficar em comunhão, na relação.

Amor permitido.
Amor correto, nada se retira nem acrescenta,
Apenas por ser permitido inventa.
E quando a coisa esquenta,
Não tem quem agüenta.

Amor permitido.
Não faz mal, desde que não haja ciúmes coisa e tal.
Se ciúmes houver, balanceio se puder.
Ciúmes na medida perfeita, é gostoso, aproveita!
Mas o amor, verdadeiro confia não suspeita.

Amor permitido.
Sabe respeitar,e receber respeito. De cada forma de amar.
Não pode ser culpado por dores, desgostos ou sofrimento.
Infalivelmente, isso se da em um envolvimento.
Mas o amor não tem nada, com mal entendimento.

Amor permitido.
Tem que ter liberdade, prisão é fatalidade.
Fechar as portas para alguém, é fechar ao amor também.
É onde você aceita o amor em seu coração.
Privando-se assim eternamente para solidão.
Viva um amor permitido.
Basta dar o primeiro passo!

( A FLOR DE LIS ) *-*
Se copiar favor colocar a autoria.

Um comentário:

mary Castro disse...

Estou levando para as minhas páginas de Facebook com o seu nome espero que não me leve a mal